Publicidade
REGIONAL

Vacinação contra o sarampo segue para o público-alvo da campanha nacional

Seguindo a norma do Ministério da Saúde, a Vigilância em Saúde, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Saúde (SMS), prossegue com a vacinação contra o sarampo nas salas de imunização do município, para os grupos prioritários.
Durante o dia D, da segunda etapa da campanha contra o sarampo foram aplicadas, 456 doses da vacina, para o público jovem de 20 a 29 anos, nas 12 salas de vacinação e dois postos volantes que também participaram da campanha. Na primeira etapa, para crianças foram aplicadas 320 doses.
De acordo com a assessora chefe da Vigilância Epidemiológica, Roberta Lastorina, a vacinação vai continuar enquanto a circulação do vírus no país estiver ativa, para crianças a partir de seis meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias) que ainda não tomaram nenhuma ou apenas uma dose da vacina e adultos jovens, na faixa etária de 20 a 29 anos, não vacinados ou que estejam com seu plano vacinal incompleto.
Em Campos, desde 2007, não é registrado nenhum caso de sarampo, mas o país já registrou este ano mais de seis mil casos da doença. Roberta Lastorina orienta as pessoas que perderam o Dia D para que procurarem uma sala de vacinação dentro do horário de funcionamento. Segundo autoridades médicas, o estado do Rio de Janeiro registra mais de 157 notificações em 2019.
Para pessoas acima de 50 anos, a recomendação é buscarem a vacinação em casos de viagem para localidades com a circulação viral ativa e em casos de recomendação médica.
Fonte: Assesoria PMCG

Publicidade

Anterior

Bahia x Vasco: veja onde assistir, escalações, desfalques e arbitragem

Seguinte

Homem mata companheira a facadas em supermercado no RJ e depois se suicida, diz polícia