Publicidade
POLÍTICA

Rafael Diniz deve oficializar reforma administrativa neste final de semana

Completado um ano à frente da Prefeitura de Campo dos Goytacazes, ao norte do Estado do Rio de Janeiro, o prefeito Rafael Diniz (PPS) irá anunciar oficialmente nos próximos dias a reforma administrativa do seu governo. No final do ano passado houve mudanças na Guarda Civil Municipal, Transparência e Controle, Desenvolvimento Econômico e superintendência de Postura.

As primeiras mudanças foram com pessoas de dentro do Governo, com cargos de confiança trocando de pasta, como foi o caso de Fabiano Mariano que deixou a Postura e assumiu a Guarda Municipal, e Felipe Quintanilha que deixou a Transparência e Controle e assumiu o Desenvolvimento Econômico. Agora, Diniz promete oxigenar o governo com nomes de fora: um deles é o ex-deputado estadual Fernando Leite, na subsecretaria de Governo, cujo titular será o atual Chefe de Gabinete, Alexandre Bastos.

Leite comentou na sua pagina pessoal do Facebook  que: “Durante este período, fui procurado pela mídia para falar a respeito do convite do prefeito, no entanto, prefiro me manifestar somente depois que Rafael Diniz tratar, formalmente, do assunto”. Já Alexandre Bastos comentou que o objetivo do novo desafio é continuar respondendo pela interlocução com a Câmara de Vereadores, auxiliar na interação entre secretarias e implementar ações nos bairros e distritos.

Prefeito Rafael Diniz fará alguns remanejamentos e nomeará alguns nomes novos da sua administração. – Foto: Blog do Pedlowski

“Vamos dar continuidade aos trabalhos que já estão sendo desenvolvidos e colocar em prática ações que vinham sendo planejadas pelo Fábio Bastos, como a presença do governo, com diversas ações, nas localidades do nosso município. Além disso, vamos auxiliar o governo em ações estratégicas e nas relações entre as secretarias”, disse Alexandre. Já o ex-vereador Rogério Mattoso, que disputou as últimas eleições para o cargo do executivo, vai assumir a subsecretaria de Desenvolvimento Humano.

Na saúde também haverá substituição – a médica Renata Juncá passará a comandar a presidência da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que atualmente tem à frente a também secretária de Saúde Fabiana Catalani. “É um grande desafio estar à frente da FMS e tenho certeza de que podemos contribuir ainda mais para garantir uma Saúde de qualidade para a nossa população. As dificuldades são muitas, mas não nos falta força de vontade para avançar”, afirmou Renata Juncá.

À frente da secretaria de Governo desde o início da gestão, Fábio Bastos afirmou que a nova missão, de subsecretário e de Superintendente de Relações Governamentais, será mais diretamente ao Gabinete. “Esta mudança ocorre após um diálogo com o prefeito em que verificamos a necessidade de auxiliá-lo em assuntos técnicos ligados diretamente ao Gabinete. Eu chego para somar, entendendo que, frente à realidade econômica e financeira do município, esta é uma área que merece especial atenção por parte do governo”, disse Fábio Bastos, observando que não sai totalmente do âmbito político, uma vez que continuará na secretaria de Governo, como subsecretário sem ônus para o município.

César Tinoco, que vai assumir a Chefia de Gabinete no lugar de Alexandre Bastos, lembrou que já vem trabalhando como assessor especial de Rafael Diniz e que o objetivo é continuar auxiliando o prefeito de uma forma ainda mais ampla. “Vamos ajudar o prefeito nas demandas diárias que chegam ao Gabinete, atuar em sintonia com as secretarias e auxiliar a gestão na coordenação de um pacote de ações em áreas como Saúde, Limpeza, Iluminação, Transporte e Infraestrutura. Também serão reforçadas as ações do Gabinete nas áreas de captação e planejamento”.

Nos bastidores da política da planície comenta-se ainda que o ex-prefeito Arnaldo Vianna (MDB) teria sido convidado para assumir um cargo na pasta Saúde do município, porém com problemas judiciais, ele iria indicar a sua atual esposa, Edilene Oliveira, para coordenar as UBs da cidade. Outros nomes que participaram do segundo escalão da gestão passada também estão cotados para assumir cargos no Governo Municipal. As mudanças devem sair nesta sexta-feira (1º) no Diário Oficial do Município.

FONTE: Redação com Sup. Comunicação

Publicidade
Anterior

Organização defende aposentadoria menor que mínimo e mais verbas para o Bolsa Família

Seguinte

Presidente da Petrobras afirma que resposta para combustível caro não está na estatal