Publicidade
DNews

Projovem Campo: resultado final e convocação

Convocados devem comparecer à sede da secretaria de Educação nesta quinta, das 9h às 12h

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (Smece) divulgou, nesta terça-feira (03/07) o resultado final e a convocação do processo seletivo simplificado para contratação temporária de acolhedor e educador, através do Programa Nacional de Inclusão de Jovens – Projovem-Campo Saberes da Terra. (Clique AQUI).

Nesta quarta-feira (04/07), a relação sairá no Diário Oficial. Na quinta-feira (05/07), das 9h às 12h, todos os aprovados deverão comparecer à sede da Smece portando documentos pessoais (original e cópia), a habilitação exigida para o cargo e comprovação de titularidade, quando necessário. A Smece fica na Praça Cinco de Julho, 60 (prédio da antiga Estação Ferroviária).

Na próxima semana será iniciada a formação obrigatória e no dia 16 de julho os convocados começarão a atuar nas unidades relacionadas: Escola Municipal Morangaba(Rio Preto); E.M. Profa. Cláudia Almeida (Farol); E.M. Santa Therezinha (Baixa Grande); E.M. José Carneiro Terra (Fazendinha); E.M. Bartolomeu Lizando (Balança Rangel); e E.M. Conselheiro Josino.

O contrato é de um ano, podendo ser renovado por igual período. O exame de seleção foi aplicado no Liceu de Humanidade de Campos, no último dia 24 de junho, para mais de 900 inscritos. Ao todo foram oferecidas 14 vagas de licenciaturas, bacharelado em Ciências Agrárias, acolhedor de crianças (normal nível médio) e tradutor/intérprete em Libras, este último para cadastro de reserva a ser convocado de acordo com a demanda.

O programa Projovem Campo-Saberes da Terra é uma parceria da Smece, por meio da subsecretaria de Programas e Convênios, com o governo federal. Através do programa, jovens entre 18 e 29 anos, que sejam alfabetizados, mas que não tenham concluído o ensino fundamental, tem a oportunidade de concluí-lo em 24 meses e ainda saírem com uma qualificação profissional em áreas voltadas para o desenvolvimento da terra. Na qualificação, os estudantes aprendem técnicas de agricultura familiar, produção sustentável, segurança alimentar, associativismo e cooperativismo.

Documentos necessários:

*RG

*CPF

*Título de Eleitor, com comprovação de regularidade com a Justiça Eleitoral

*Comprovação de nível de escolaridade e formação para o cargo pretendido;

*Uma foto 3×4;

*Carteira de trabalho (original e cópia da folha da foto- frente e verso);

*Certificado de Reservista ou dispensa, para candidatos do sexo masculino;

*Cartão PIS/PASEP.

*Original dos documentos de comprovação de experiência

Horários para entrega de documentos:

9h candidatos com deficiência;

9h15 Acolhedor 1º ao 5º ano;

10h às 12h Educador.

Outras informações no Edital de Abertura do Processo, publicado no Diário Oficial de 8 de junho de 2018.

Fonte: Supcom


Publicidade

Anterior

Manaus decreta situação de emergência diante de surto de sarampo

Seguinte

Professora é agredida com coronhada durante tentativa de assalto