Publicidade
DNews

Professora é morta a tiros dentro de academia no RJ e ex-companheiro é suspeito

Uma professora foi morta a tiros na noite desta quarta-feira (3) dentro de uma academia no distrito de Travessão, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Regiane da Silva Santos, de 35 anos, deixa três filhas.

Segundo a a Polícia Militar, o principal suspeito é o ex-companheiro da vítima. Ainda de acordo com a PM, o homem atirou nela e fugiu em um carro após o crime.

O caso está sendo investigado na 146ª Delegacia de Polícia de Guarus.

A escola particular onde a vítima trabalhava lamentou a morte em uma rede social. A instituição também comunicou que foi decretado luto de um dia e nesta quinta (4) não haverá aula.

“A escola lamenta o incidente e aproveita para expressar a admiração pelo trabalho competente da professora, o caráter inquestionável em nossa instituição e a amizade contagiante que fez de Regiane uma pessoa marcante para todos nós”, diz parte da postagem.

Fonte : G1


Publicidade

Anterior

Faetec abre inscrições para cursos de qualificação profissional no Norte e Noroeste do RJ

Seguinte

Justiça concede habeas corpus e ex-governador Garotinho não vai precisar de tornozeleira eletrônica