Publicidade
ESPORTES

Primeiro-ministro do Japão diz estar determinado a realizar Olimpíada

O primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga, disse nesta sexta-feira (29) que está determinado a realizar os Jogos Olímpicos em Tóquio nesse verão do Hemisfério Norte como um símbolo de “esperança e coragem” durante a pandemia global de coronavírus.

A seis meses da data marcada para o início das Olimpíadas, as pesquisas mostram que 80% dos japoneses não acham seguro realizá-las em 2021. O país deve iniciar a vacinação no fim de fevereiro e os contágios não caíram como se esperava depois de duas semanas de um novo estado de emergência em Tóquio e outras dez províncias.

A pesquisa constatou que 35,3% desejam o cancelamento dos Jogos e 44,8% preferem outro adiamento. O maior evento multiesportivo do mundo, adiado no ano passado devido à pandemia, está programado para ser realizado de 23 de julho a 8 de agosto, na capital japonesa.

Até o dia 7 de fevereiro, Tóquio está em estado de emergência por causa do coronavírus.

Japão fornecerá vacinas aos países em desenvolvimento

Suga também afirmou, durante reunião virtual do Fórum Econômico Mundial, que o Japão ampliará seu apoio ao fornecimento de vacinas para países em desenvolvimento, inicialmente previsto em 130 milhões de dólares, e prometeu trabalhar com países que pensam parecido por uma região Indo-Pacífica “livre e aberta”.

Fonte: G1


Publicidade

Anterior

Mundo testa 16 vacinas em humanos, mas poucas têm chance de chegar ao Brasil

Seguinte

No ritmo de Gabigol, Fla atropela Grêmio e acorda no Brasileirão