Publicidade
JUSTIÇA

Possível indicação de Kassio Nunes ao STF é bem recebida por ministros

Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) ouvidos nesta quarta-feira (30) pelo blog receberam como uma boa surpresa a sinalização do presidente Jair Bolsonaro de que indicará o desembargador federal Kassio Nunes Marques para a Corte.

Nas palavras de um ministro, Bolsonaro quis fazer um gesto especial ao Supremo ao consultar individualmente dois ex-presidentes do tribunal: Gilmar Mendes e Dias Toffoli.

Por volta das 18h desta terça-feira (29), o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, na presença de Bolsonaro, ligou para Gilmar Mendes.

Para assumir uma vaga no STF, o candidato precisa ser sabatinado e ter o nome aprovado pelo Senado.

Segundo apurou o blog, Alcolumbre disse a Gilmar Mendes que Bolsonaro gostaria de conversar pessoalmente com o ministro e que o presidente se colocou à disposição para ir até a casa dele.

Logo depois, acompanhado de Kassio Nunes, Bolsonaro chegou à casa do ministro. Dias Toffoli também participou da conversa.

Os ministros demonstraram ter sido positivamente surpreendidos, até porque, há pouco mais de um mês, já tinham conversado com o desembargador porque ele também estava entre os mais cotados para assumir uma vaga no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Ao blog, um ministro do STF lembrou que, além de Kassio Nunes ter experiência na magistratura, é natural de Teresina (PI).

Esse ministro lembrou que atualmente não há ninguém nascido no Nordeste entre os membros do Supremo. O último integrante nascido na região foi o ex-ministro Carlos Ayres Britto, natural de Propriá (SE).

Para ministros do STF, depois do gesto desta terça, ficou claro que o escolhido de Bolsonaro deverá ser Kassio Nunes.

Fonte: G1


Publicidade

Anterior

Criação de empregos em agosto atinge melhor nível em nove anos

Seguinte

Jóquei recebe ônibus de Testagem Itinerante e Vacinação contra H1N1