Publicidade
SAÚDE

Pesquisa aponta aumento de 53% em duas semanas na proporção da população que tem ou já teve a Covid-19

A pesquisa revela ainda que 1,9 milhão de pessoas estão ou já estiveram infectadas pelo novo coronavírus nas 120 cidades onde vivem 32,7% da população do Brasil (68,6 milhões de pessoas). Com a margem de erro, o número de infectados nessas cidades fica entre 1,7 a 2,1 milhões de pessoas.

Esses dados já consideram a taxa de falsos positivos e também de falsos negativos do teste rápido.

Na véspera do início da pesquisa, em 3 de junho, essas 120 cidades somadas contabilizavam 296.305 casos confirmados. O estudo aponta, portanto, que há uma grande disparidade entre o número revelado pela pesquisa e a estatística oficial.

A pesquisa Epicovid19 alerta ainda para a prevalência de cidades das regiões Norte e Nordeste no ranking de municípios com as maiores taxas de anticorpos da Covid-19. Em Boa Vista, capital de Roraima, por exemplo, o estudo estima que uma a cada quatro pessoas estão ou já estiveram infectadas pelo novo coronavírus.

Das 20 cidades com as maiores taxas, 12 estão localizadas no Norte, sete no Nordeste e uma no Sudeste. O Rio de Janeiro é a única cidade do Sudeste a aparecer no ranking.

Capitais: taxa de anticorpos

A segunda fase do estudo coletou dados em todas as capitas, exceto em Curitiba (PR) – que não alcançou o número de 200 testes e entrevistas. A taxa de anticorpos cresceu bastante em capitais como Boa Vista (RR), Fortaleza (CE), Maceió (AL) e Rio de Janeiro (RJ).

Em São Paulo (SP) e Rio Branco (AC), as taxas da segunda fase da pesquisa foram inferiores às da primeira fase. Hallal afirma, porém, que as quedas “não foram substanciais”, principalmente se considerada a margem de erro.

Segundo Hallal, isso significa que não há um “aumento descontrolado da doença” nessas cidades. Além disso, ele diz que a variação pode ser um sinal de que o isolamento social está ajudando a desacelerar o número de casos ou de que a curva de casos pode começar a cair.

Fonte: G1


Publicidade

Anterior

São Paulo anuncia produção de vacina contra o coronavírus

Seguinte

Números mostram que Brasil faz menos testes para coronavírus do que deveria