Publicidade
REGIONALSAÚDE

Ônibus do Hemocentro neste domingo na localidade de Mineiros

Foto: Ascom – PMCG

No próximo domingo (8), a unidade móvel do Hemocentro do Hospital Ferreira Machado (HFM) vai estar, a partir das 8h, na localidade de Mineiros, na Baixada Campista. A iniciativa é do vereador Igor Pereira (PSB), que recentemente teve um projeto de incentivo à doação de sangue aprovado na Câmara, agora lei já sancionada pelo prefeito Rafael Diniz (PPS). Segundo o vereador, o objetivo da campanha é conscientizar a população sobre a importância de tornar a doação de sangue um hábito, mantendo em bom nível o estoque do Hemocentro que atende toda a região. O lema da campanha é “Celebrar a vida e ajudar a salvar tantas outras”, já que no domingo o parlamentar comemora seu aniversário.

“São tantas bênçãos que a gente recebe na vida, que temos de tentar retribuir de alguma forma. Então, no domingo, reunirei os amigos no Salão Festa & Cia, em Mineiros, para um café da manhã às 8h, seguido por um momento de louvor com grupos da Baixada, e o padre Fabiano vai celebrar, às 10h, uma missa em ação de graças. O ônibus do Hemocentro estará em frente ao salão e tenho certeza que vamos conseguir um bom número de doadores. Ser doador é ajudar a salvar vidas. E o banco de sangue do Ferreira Machado precisa sempre de reforço”, comentou Igor.

Foto: Isaías Fernandes

Estão aptas a doar sangue pessoas que tenham entre 18 e 60 anos e pesem no mínimo 50kg. É preciso ter dormido pelo menos seis horas nas últimas 24, e não estar em jejum, evitando alimentação gordurosa nas quatro horas antecedentes à doação. Para doar, é necessário apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial.

Gravidez, amamentação (se o parto ocorreu há menos de um ano), resfriado recente, ingestão de bebida alcoólica nas últimas 12 horas e tatuagem nos últimos 12 meses são impedimentos temporários, enquanto casos de hepatite após os 11 anos de idade, evidência clínica ou laboratorial de hepatites B e C, Aids, doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas são impedimentos definitivos, bem como o uso de drogas ilícitas injetáveis e a malária.

Benefícios a doadores — Já está em vigor a lei, que foi proposta pelo vereador Igor Pereira, que concede benefícios aos doadores regulares do Hemocentro do Ferreira Machado. Quem tiver a carteirinha mostrando  regularidade das doações sangue terá direito a meia-entrada (50% do ingresso) em todos os eventos culturais, esportivos e de lazer realizados no município, além de isenção nas taxas de concursos públicos de Campos.

São considerados doadores regulares de sangue aqueles registrados no Hemocentro que realizam o procedimento a cada 90 dias no caso dos homens e 120 dias, para mulheres — conforme o intervalo mínimo recomendado pelo Ministério da Saúde.

Assessoria de Comunicação


Publicidade

Anterior

Alunos de São João da Barra participam de Gincana Pedagógica

Seguinte

Ouvidoria Itinerante em Grussaí na próxima terça-feira