Publicidade
SAÚDE

Ministro prevê divisão igual da vacina contra covid entre os Estados

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, declarou que os lotes das vacinas contra a covid-19 serão distribuídos “igualmente” entre os Estados quando os medicamentos forem aprovados.

O anúncio foi feito durante encontro com o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), em Belo Horizonte, nesta segunda-feira (5).

Pazuello também afirmou que deve convocar a imprensa para falar sobre o andamento das vacinas em teste no Brasil nos próximos dias.

Na última semana, o Ministério da Saúde informou que acompanha mais de 200 estudos sobre medicamentos contra a covid-19. Entre as vacinas em estágio avançado nos testes estão a da fabricante chinesa Sinovac, a da Universidade de Oxford, a da multinacional Pfizer e a da empresa americana Johnson & Johnson.

Mais testes em Minas

Durante o encontro com o governador, o ministro também anunciou para o Estado a entrega de três equipamentos capazes de detectar o coronavírus. Com os novos aparelhos, a capacidade diária de exames da Funed (Fundação Ezequiel Dias) deve ser ampliada de 700 para 2mil.

Pazuello, Zema e o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, ainda visitaram as instalações do laboratório central da Funed.

Segundo o Governo de Minas, desde o início da pandemia, foram feitos 40 mil exames de covid-19 no laboratório. Atualmente, os resultados são entregues em 72 horas.

Fonte: R7


Publicidade

Anterior

8 redes estaduais já têm data para reabrir escolas em 2020

Seguinte

Plano de Retomada: confirmação da 2ª semana de fase verde possibilita avanços