Publicidade
SAÚDE

Ministério da Saúde é autorizado a contratar 4,1 mil profissionais de saúde

O Ministério da Saúde foi autorizado a contratar por tempo determinado 4.117 profissionais para atender à necessidade temporária de excepcional interesse público.

O prazo de validade dos contratos será de até seis meses e poderão ser prorrogados pelo prazo necessário à superação da situação da calamidade pública, desde que o prazo total não exceda dois anos.

Os profissionais poderão ser contratados a partir deste mês para atuar nas atividades de assistência e apoio à assistência à saúde, nas seguintes unidades:

  • Hospital Federal do Andaraí (HFA);
  • Hospital Federal de Bonsucesso (HFB);
  • Hospital Federal da Lagoa (HFL);
  • Hospital Federal dos Servidores do Estado (HFSE);
  • Hospital Federal de Ipanema (HFI);
  • Hospital Federal Cardoso Fontes (HFCF);
  • Instituto Nacional de Cardiologia (INC);
  • Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO); e
  • Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA).

A portaria não informa como será realizado o processo seletivo para contratação desses profissionais.

Segundo a portaria, as despesas com as contratações virão das dotações orçamentárias do Grupo de Natureza de Despesa Pessoal e Encargos Sociais, pois se trata de substituição de servidores e empregados públicos.

Fonte: G1


Publicidade

Anterior

Congresso Nacional decreta luto oficial de três dias por mortes da Covid-19

Seguinte

'Lockdown' começa em Niterói e São Gonçalo, as primeiras do RJ a adotarem a medida