Publicidade
ESPORTES

Governo autoriza volta do Campeonato Espanhol a partir de 8 de junho

O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, anunciou neste sábado que a bola poderá voltar a rolar no país a partir de 8 de junho. Dessa forma, o Campeonato Espanhol, suspenso em 14 de março em razão da pandemia do novo coronavírus, disputará as 11 rodadas que restam da temporada 2019/2020.

O próximo do governo será a aprovação, por parte do Ministério da Saúde, dos treinamentos coletivos sem restrições. Na última semana, os clubes já puderam retomar as atividades nos seus centros de treinamento, mas eram obrigados a dividir os atletas em grupos de, no máximo, 10 jogadores.

A tendência é que La Liga seja retomada em 12 de junho, ainda sem público, com a disputa apertada entre Barcelona e Real Madrid, separados por apenas dois pontos no topo da tabela. Os catalães, em primeiro, serão visitantes contra o Mallorca, enquanto os merengues receberão o Eibar.

Além dos avanços no combate à doença na Espanha, outro fator pesou de forma positiva na volta do futebol local. Se a temporada 2019/2020 não fosse concluída, os clubes perderiam 1 bilhão de euros (cerca de R$ 6 bilhões) em receitas. O retorno das partidas, mesmo que com as arquibancadas vazias, reduzem esse prejuízo para 300 milhões de euros (R$ 1,8 bilhão).

Fonte: O GLOBO


Publicidade

Anterior

Medicamento antiviral melhora tempo de recuperação de pacientes com Covid-19, diz estudo

Seguinte

Câmara começa a discutir a prorrogação do auxílio emergencial