Publicidade
ESPORTES

Derrota para Lusa gera clima tenso no Americano, mas Josué exalta torcida

A estreia do Americano na Seletiva da Série A do Campeonato Carioca não foi nada boa. Além da derrota por 2 a 0 para a Portuguesa, em um confronto onde o Alvinegro Campista não chegou levar perigo ao adversário, após o final da partida, a torcida presente no Estádio Luso Brasileiro começou a discutir com alguns jogadores, membros da comissão técnica e diretoria.
Comandante alvinegro desde o início de 2018, Josué Teixeira comentou sobre a situação, assumindo a responsabilidade pela derrota, junto ao elenco e também exaltou a presença e participação de toda a torcida do Americano.
– Primeiro, temos que exaltar a torcida. Pegaram uma viagem longe de Campos para a Ilha (do Governador, bairro no Rio de Janeiro) não é fácil. Eles vieram e deram a contribuição deles. Mas o time não jogou. Por mais que a gente tente dar alguma explicação, o torcedor não quer saber disso. Ele é paixão o tempo todo. Nós, que somos profissionais, temos que ter um pouco mais de equilíbrio – disse, completando.

– Então, fomos lá (próximo à arquibancada), conversamos, assumimos a responsabilidade da derrota, não jogamos nada, fomos mal… e não tem mais o que falar. Erramos no jogo, erramos em algumas atitudes. Acho que um jogador não pode ter determinadas atitudes e já conversamos com ele. Mas esse é o tamanho do Americano. A torcida participa, cobra e temos que dar o nosso melhor sempre.

Agora o Americano retorna aos gramados no sábado (28), às 15h, contra o America. O duelo acontece no Ferreirão, em Cardoso Moreira.
Fonte: Futrio

Publicidade

Anterior

Prefeito de Granjeiro é morto a tiros enquanto caminhava próximo de sua residência no Ceará

Seguinte

Jorge Jesus chega a Portugal e confirma que segue no Flamengo.