Publicidade
DNewsREGIONAL

Coronavírus: colégios e escolas do Rio ficarão fechados por 90 dias

As escolas públicas e particulares do estado do Rio, que tinham previsão de reabrir no dia 30 de abril, continuarão fechadas, sem previsão de retorno – a perspectiva é que isso não aconteça antes de 90 dias. A determinação foi anunciada pelo secretário Estadual de Educação, Pedro Fernandes, numa transmissão pelo Facebook, na noite desta segunda-feira (23). As escolas particulares que insistirem em manter as atividades serão multadas – uma resolução sobre este assunto ainda será será divulgada.

Pedro também anunciou que foi feito um convênio com o Google (Google Classroom) para disponibilizar as aulas on line para os alunos do Estado.  As escolas particulares que não tiverem sua própria plataforma terão apoio da secretaria junto ao Google para que disponibilizem também, afirmou o secretário.

Outro pontos abordados pelo secretário:

– As aulas serão ministradas pelos professores no seus horários de trabalho.  As GLPs (Gratificação por Lotação Prioritária), a hora extra da educação, serão mantidas;

– Os alunos que não tiverem acesso a internet terão um reforço após o retorno às aulas físicas; 

– A questão das avaliações serão tratadas mais tarde;

– As escolas técnicas,  integrais e militares, terão as disciplinas básicas agora via on line e as específicas após o retorno;

 Cada escola deverá relacionar os alunos que possuem bolsa família para que o secretário viabilize junto ao Governo uma assistência quanto à alimentação desses alunos;

– A primeira tentativa é manter os 200 dias letivos, mesmo com a permissão da LDB (Lei de Diretrizes e Bases) da educação nacional de que diante da pandemia, termine em menos tempo.

Fonte:  VEJA RIO


Publicidade

Anterior

Bolsa sobe 10% com perspectiva de acordo para pacote de socorro de US$ 2 trilhões nos EUA

Seguinte

Brasil ultrapassa 2 mil casos de Covid e tem 34 mortos em SP e RJ