Publicidade
DNews

Com sensor e app, Catedral Metropolitana do Rio reabre após quatro meses

Depois de quatro meses fechada por causa pandemia do novo coronavírus, a Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro reabriu na manhã deste sábado (4). No total, 280 igrejas da cidade poderão receber fiéis após a arquidiocese do RJ liberar a realização de missas em seus templos.

Por volta das 9h, a missa presidida por Dom Orani teve início na Catedral. A capacidade de público foi restriginda em 30% – das 5 mil pessoas que o local comporta, apenas 1,5 mil poderão participar por vez. Neste sábado, no entanto, pouco mais de 400 fiéis compareceram à missa.

Entre as medidas de segurança adotadas para a participação das celebrações, está o lançamento do aplicativo “arqrio”, por onde é possível fazer a inscrição obrigatória para comparecer presencialmente.

Na entrada da Catedral, todos tiveram a temperatura medida com termômetro infravermelho, e um sensor foi instalado para a contagem de pessoas. Se passar de 1,5 mil presentes, um alarme sonoro é tocado e só para quando os fiéis começam a deixar o local.

Desde 20 de março, as igrejas católicas do estado do Rio estavam fechadas. Eventos religiosos, como a Semana Santa e casamentos, foram cancelados e as celebrações foram transmitidas pelo rádio e internet.

Fonte: CNN


Publicidade

Anterior

Brasil ultrapassa 1 milhão de recuperados da Covid-19

Seguinte

Globo vai transmitir semifinal da Taça Rio entre Fluminense e Botafogo