POLÍCIA

Após extradição do Uruguai, empresários acusados de lavar dinheiro para Cabral chegam ao Rio

Os empresários Vinicius Vieira e Cláudio Fernando foram presos no Uruguai em ação com participação de autoridades uruguaias e da Polícia Federal. – Foto: Arquivo/Divulgação

Os empresários Vinicius Vieira Barreto Claret e Cláudio Fernando Barbosa chegaram hoje (28) ao Brasil, após serem extraditados do Uruguai. Eles foram levados para a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, na zona norte do Rio de Janeiro. Segundo a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária, a dupla chegou à unidade prisional fluminense nesta tarde.

Claret e Barbosa foram apontados pelo Ministério Público Federal como doleiros do esquema de corrupção e lavagem de dinheiro montado pelo ex-governador Sérgio Cabral, que está preso no Rio de Janeiro. Os dois foram presos no país vizinho em 3 de março deste ano, em ação com participação de autoridades uruguaias e da Polícia Federal.

De acordo com a Agência Brasil, os mandados de prisão foram assinados pelo juiz Marcelo Bretas, da 7º Vara Federal Criminal, no âmbito da Operação Calicute, resultado da força tarefa da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro. As revelações contra eles foram feitas pelos irmãos Renato e Marcelo Chebar, que fizeram acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal e contaram detalhes do esquema.

FONTE: Agência Brasil

Anterior

Ministro da Defea diz que armas em presídios sugerem "acordo" entre agentes e criminosos

Seguinte

Jovem de 18 anos é assassinado dentro de casa no Canaã