Publicidade
DNews

Adolescente com autismo supera limitações por meio da arte e sonha em ser quadrinista no RJ

Aos 15 anos, Isaac Guimarães, morador de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, supera as limitações do autismo por meio da arte e sonha em ser quadrinista.

“Se, por acaso, eu fosse quadrinista e fosse convidado para eventos geek, eu ia ficar realmente muito feliz”, disse.

Recentemente, Isaac começou a vender os desenhos para conseguir investir ainda mais na criatividade, com a compra de materiais como lápis de cor e canetas de qualidade, marcadores de desenhos, que custam em média R$ 300 o kit com 12 unidades, além de papéis para marcador, que custam R$ 50 o pacote.

“Ele quer ter ferramentas melhores para fazer um trabalho com mais qualidade”, disse a mãe, Bec Flor, que trabalha em uma escola e não tem condição de arcar totalmente com os custos dos materiais.

Isaac está cursando o 9º ano do ensino fundamental. Segundo a mãe, ele é muito dedicado e esforçado, sabe ler bem, mas tem dificuldade para escrever, por exemplo, porque além do autismo, também tem dislexia.

De acordo com Bec, a inspiração do adolescente vem dos mangás e animes. Já sobre a ideia de vender os desenhos, a mãe contou que começou de forma espontânea.

“Ele abordou duas mulheres em um evento e disse: ‘Boa tarde, sou o Isaac, sou desenhista, você gostaria de encomendar um desenho?'”, disse.

A mãe se orgulha do filho e conta que os desenhos, que são vendidos pelas redes sociais, têm até fila de espera.”Quando alguém encomenda algum desenho dele, eu me sinto a empresária, né? Ele fala ‘olha, tem uma lista de espera, tem que ver com a minha mãe porque ninguém pode furar fila'”, afirmou.

Fonte: G1


Publicidade

Anterior

Grupo se fantasia de super-heróis para levar alegria a pacientes da ala pediátrica de hospital no RJ

Seguinte

Ex-marido de professora confessa feminicídio e alega problemas psiquiátricos em audiência